Espaço Confinado

Conforme a NR-33: Espaço Confinado é qualquer área ou ambiente não projetado para ocupação humana contínua, que possua meios limitados de entrada e saída, cuja ventilação existente é insuficiente para remover contaminantes ou onde possa existir a deficiência ou enriquecimento de oxigênio.

O empregador deve: identificar, isolar e sinalizar os espaços confinados para evitar a entrada de pessoas não autorizadas;

Há 3 classes de espaços confinados:

Espaços Classe A – aqueles que apresentam situações que são IPVS (Imediatamente Perigoso à Vida e Saúde). Estão inclusos espaços que sejam  deficientes de oxigênio e/ou que contenham atmosferas tóxicas ou explosivas.
Espaços Classe B – não representam riscos imediatos à vida ou à saúde, no entanto, têm potencial para causar lesão ou doenças se medidas de proteção não forem tomadas.
Espaços Classe C – São aqueles em que qualquer risco é tão insignificante que nenhuma prática ou procedimento de trabalho seja necessária”.

Atividades típicas que exigem entrada em espaços confinados

Inspeção da integridade física e processo de equipamentos.

Manutenções tais como jateamento abrasivo e aplicação de recobrimentos de superfícies em subterrâneos com ou sem tubulações.

Instalações, inspeções, reparos e substituições de válvulas, tubos, bombas, motores em covas ou escavações.

Ajustes ou alinhamentos de equipamentos mecânicos e seus componentes.

Verificações e leituras em manômetros, painéis, gráficos ou outros indicadores.

Instalações, ligações e reparos de equipamentos elétricos ou de comunicações, instalações de fibras ópticas.

Resgate de trabalhadores que foram feridos ou que desmaiaram em tais espaços.